terça-feira, 26 de novembro de 2013

Suco de beringela

Para quem está em busca de uma fórmula para perder peso rápido, o suco de berinjela pode ser a resposta. O fruto é um poderoso aliado do emagrecimento e combate da gordura abdominal. Rico em vitaminas e fibras, ele é capaz de reduzir o colesterol, diminuir medidas e melhorar a saúde.

Propriedades e benefícios da berinjela

O alimento possui vitaminas e agentes antioxidantes, que previnem contra doenças, envelhecimento e inflamações. Porém, seu principal benefício está na alta concentração de fibras, presentes tanto na casca quanto na água de berinjela.
Com propriedades similares, a farinha de berinjela oferece quase tantos benefícios quanto o fruto em si e é também uma ótima maneira de perder peso.

Fibras solúveis e insolúveis

A casca do fruto é rica em fibras insolúveis, que são aquelas que nosso corpo não consegue absorver. Elas funcionam como uma espécie de esponja no estômago, sugando a gordura e a bile e eliminando-as através das fezes. Além disso, esse tipo de componente ajuda na formação do bolo fecal, contribuindo para o bom funcionamento do intestino.
Já a água da berinjela contém bastantes fibras solúveis. Elas ajudam a prolongar a saciedade e o tempo de digestão dos alimentos, fazendo com que o organismo tenha de trabalhar mais para isso (e, portanto, aumentando o gasto calórico) e com que as gorduras e açúcares ingeridos na refeição sejam absorvidos aos poucos pela corrente sanguínea, e não de uma vez só, evitando, então, os picos de glicemia e colesterol no sangue.
Suco é feito com berinjela fatiada e laranja. Se desejar, acrescente semente de linhaça (Thinkstock)
Suco é feito com berinjela fatiada e laranja. Se desejar, acrescente semente de linhaça (Thinkstock)
Sendo assim, os benefícios da berinjela crua incluem:
  • Emagrecimento
  • Redução do nível de colesterol e glicemia no sangue
  • Combate à gordura abdominal
  • Redução do inchaço, por ter efeito diurético
  • Melhora do funcionamento do intestino
  • Aceleração do metabolismo
  • Diminuição da fome
  • Prevenção contra doenças e inflamações

Suco de berinjela para emagrecer

O suco é muito fácil de preparar e deve ser ingerido diariamente, em jejum.

Ingredientes

  • ½ berinjela com casca
  • 1 copo de água
  • 2 laranjas

Modo de preparo

Para fazer a água de berinjela, fatie o fruto em rodelas e deixe de molho no copo d’água durante a noite. Isso irá fazer com que as fibras sejam liberadas do alimento, enriquecendo o líquido com todas as suas propriedades.
Pela manhã, bata no liquidificador a berinjela junto com a água e o suco das duas laranjas. Beba em seguida.
Dica: para potencializar os benefícios, acrescente ao suco uma colher de sopa de semente de linhaça dourada triturada.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Mãe inventa sequestro, após entregar bebê para casal do RJ.

Como uma pessoa tem essa coragem de fazer isso com um serzinho tão indefeso, tem que ter o coração muito duro, porque a mãe que dá o filho, que não ama o filho, ela não ama a si mesma. Segue a história.


A Polícia Civil informou, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (25), que a mãe de um bebê que desapareceu em Belo Horizonte no último sábado (23) inventou que o filho teria sido roubado. Segundo o delegado do Departamento de Operações Especiais (Deoesp) Wanderson Gomes, Renata Soares, de 19 anos, teria entregado espontaneamente o filho de dois meses a um casal do Rio de Janeiro, com quem a criança foi localizada.

As investigações apontam que o pai, Johney Lima Santos Nulhia, não teria envolvimento com o caso. No início da noite, ele deixou o Deoesp, em um carro da polícia, para buscar o filho na capital fluminense. Ele afirmou que, apesar de estar feliz por a polícia ter localizado o bebê, ainda não está conseguindo entender e acreditar no que aconteceu. “Só se eles me provarem que ela tem problema de cabeça. Porque eu continuo acreditando que ela não tem nada a ver com isso”, disse.

O pai acionou a polícia para denunciar que a criança teria sido levada dos braços da mãe neste sábado, versão negada pela polícia. No falso relato, Renata Soares contou que saiu de casa em Contagem, na Região Metropolitana, por volta das 11h30 para ir ao centro da capital mineira. Perto da rodoviária, Renata, com o bebê, teria sido abordada. “Na hora que eu fui atravessar a rua perto do viaduto, parou um carro perto de mim, desceu três pessoas, dois eram chineses”, disse neste sábado. Ela havia contado ainda que foi ameaçada, e o menino, levado.
Segundo polícia, pai não tem envolvimento com o caso; em um carro da polícia, ele vai até o RJ reencontrar o filho (Foto: Humberto Trajano/G1) 
Entretanto, com base nas apurações, a polícia afirma que a jovem entrou em contato com um casal via internet e combinou a entrega do filho. No início da noite, Renata era ouvida e a expectativa é que ela fosse liberada. A polícia mineira ainda não esclareceu se a criança foi doada ou vendida. Segundo o delegado Gomes, ela confessou ter entregado o bebê e demonstrou, em certos momentos, arrependimento.

Nesta segunda-feira, o pai contou ao G1 que uma ligação de telefone indicava que o bebê estaria na casa de uma mulher no Rio de Janeiro. De acordo com o delegado Bruno Wink, o bebê foi encontrado com dois jovens, no bairro Vila Valqueire. Ainda de acordo com Wink, o casal está detido.
Bebê foi encontrado no Rio de Janeiro (Foto: Daniel Siveira/G1 RJ)Bebê foi encontrado no Rio com um casal de jovens
(Foto: Daniel Silveira/G1 RJ)
De acordo com o delegado Eduardo Soares, da Delegacia Antissequestro (DAS) do Rio de Janeiro, em depoimento, eles confirmaram que a mãe biológica do bebê o doou, através de contato por um site. A dupla teria ido de táxi até Belo Horizonte, depois de pagar R$ 1 mil a um taxista. Pela “doação”, no entanto, o casal nega que tenha oferecido dinheiro.
Conforme Soares, os adolescentes devem responder por fato análogo a subtração de incapaz para colocar em lar substituto, e a mãe do menino, por subtração de incapaz. "O pai do bebê está sendo vítima da própria mãe", afirmou Soares.

A jovem que tentou adotar a criança criticou a mãe biológica. "Tem tanta gente que quer ter, tanta gente que perde. Acho muito ruim o que ela fez. Em nenhum momento esperei que o caso fosse terminar na polícia. Não penso em fazer isso de novo", disse. Segundo o delegado, a menina de 17 anos sofreu um aborto espontâneo em agosto e "queria porque queria" ter um bebê.

Dar ou não dar chocolate pra criança

É realmente difícil resistir àquelas carinhas morrendo de vontade de experimentar uma coisa que você sabe que é verdadeiramente deliciosa, mas tenha cautela, porque o chocolate é um alimento bem calórico e pode prejudicar o apetite da criançada -- ainda mais na fase inicial da introdução à alimentação com sólidos, entre 6 meses e 1 ano. 

Segundo a nutricionista Ana Lúcia Cunha, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), o "ideal" é que uma criança só experimente chocolate a partir de 1 ano e, ainda assim, em pequenas quantidades. "Como em geral contém açúcar e leite na sua composição, o chocolate poderá dar gases e um certo desconforto abdominal se for consumido em excesso", alerta. 

Ana Lúcia lembra também que cafeína e teobromina estão presentes nos chocolates e "são substâncias estimulantes e com poder viciante". 

É preciso ficar de olho ainda em possíveis reações, já que as crianças podem ser alérgicas a algum dos ingredientes da fórmula de muitos dos chocolates comercializados no Brasil, como leite, amendoim ou castanhas. Na dúvida, dê um pedacinho inicial junto com alimentos que já fazem parte da dieta dos seus filhos, assim será mais fácil monitorar e identificar a origem daquilo que pode ter provocado alguma reação. 

Como é gorduroso, o chocolate pode provocar diarreia se consumido em excesso. Não deixe grande quantidade de chocolate à mão da criança. Se ela comer demais de uma vez, pode mesmo ter dor de barriga. Os especialistas recomendam dar no máximo o equivalente a 1 colher de sopa por dia, para crianças de 1 ano. 

O lado bom e bem conhecido de todos nós é que chocolates provocam uma sensação gostosa de bem-estar, devido à liberação de endorfinas e serotonina; além disso, eles contêm antioxidantes (que ajudam a diminuir o risco de certas doenças), vitaminas e vários minerais (como magnésio, cobre, zinco, potássio, manganês). 

De acordo com a nutricionista, "os chocolates amargos são mais calóricos, porém têm menor quantidade de açúcar e leite, sendo considerados mais saudáveis". 

Ou seja: você não precisa ser radical. A partir de 1 ano, pode dar chocolate para seu filho experimentar, mas em quantidades pequenas. Mas saiba que, agora que ele provou, nunca mais deixar de pedir. É por isso que alguns pais resolvem esperar até a criança ter 2 anos -- enquanto ela não souber o que está "perdendo", não vai ficar pedindo e não corre o risco de abusar. 

FONTE

sábado, 23 de novembro de 2013

Icterícia

Oi gente, boa tarde! Esse e os próximos posts estarei falando sobre algumas que passei quando Vinicius nasceu. O primeiro assunto é a icterícia ou o amarelão como alguns conhecem.
Quando o Vinicius nasceu ele nasceu com icterícia e também hipoglicemia. Ele nasceu dia 29/08/2012 e dia 30 já começaram com a fototerapia (ou banho de luz), porque o máximo (não sei se era porcentagem ou numero normal mesmo) era de 11, e o Vinicius  estava com 12. Começaram com a fototerapia mas ainda estava aumentando, chegou no 13, e ficou além dos três dias (que é normal aqui) mais três por conta disso. E no dia que ele teve alta saiu com 11,5. Agora irei explicar algumas duvidas, nem todas as crianças nascem com isso, os "fatores de risco" são os prematuros e os que a mãe tem o sangue rh negativo e o pai é rh positivo, e no caso do Vinicius foi os dois! E o que é a icterícia? Seria o excesso de bilirrubina no sangue. A criança fica ictérica quando a formação de bilirrubina é maior do que a capacidade do seu fígado de metabolizá-la.
Porque existe preocupação com uma criança com icterícia?
O acúmulo deste pigmento acima de certos limites é extremamente tóxico para o sistema nervoso, podendo causar lesões graves e irreversíveis.Tipos de icterícia
Há vários tipos de icterícia no recém-nascido. Os mais comuns são os seguintes: 
 
Icterícia fisiológica (normal):
Ocorre em mais de 50% dos recém-nascidos. Esta icterícia é devida à característica própria do bebê que leva a um metabolismo lento da bilirrubina. Geralmente surge entre o 2o e o 4o dias de vida e desaparece entre a 1a e a 2a semana de idade. 
Icterícia da prematuridade:
Ocorre com muita freqüência em bebês prematuros uma vez que eles levam muito mais tempo para conseguir excretar a bilirrubina eficazmente. 
Icterícia do leite materno:
Em 1% a 2% de bebês alimentados ao peito, pode ocorrer icterícia causada por substâncias que reduzem a excreção intestinal da bilirrubina. Começa geralmente ao redor dos 4 a 7 dias de vida e pode durar de 3 a 10 semanas. 

Por incompatibilidade de grupo sanguíneo (Rh ou ABO): a icterícia por incompatibilidade muitas vezes começa já durante o primeiro dia de vida. Incompatibilidade de Rh causa a forma mais severa de icterícia, sendo prevenida com uma injeção de imunoglobulina anti-Rh (RhoGAM) à mãe dentro das primeiras 72 horas após o parto. Isto impede a formação de anticorpos que poderiam colocar em risco os próximos bebês.


Bebê que nasceu prematuro de 25 semanas (emocionante)

NASCIDO TRÊS MESES E MEIO PREMATURO, BEBÊ WARD MILES NÃO TEVE O INÍCIO MAIS FÁCIL NA VIDA, MAS GRAÇAS AO AMOR DE SEUS PAIS E DEDICAÇÃO INTERMINÁVEL DE MÉDICOS E ENFERMEIROS, O PEQUENO LUTADOR CONSEGUIU. SEU PAI, BENJAMIN MILLER QUE É UM FOTÓGRAFO QUE TRABALHA SOB O NOME DE BENJAMIN SCOT , CAPTUROU PRIMEIRO ANO DE SEU FILHO EM UM PEQUENO FILME EM MOVIMENTO. O VÍDEO COMEÇA COM NOVA MÃE LYNDSEY CAUTELOSAMENTE PEGAR SEU FILHO, QUE PESA MENOS DE  1 KG E 500 G, COM 15 SEMANAS DE VIDA NO HOSPITAL INFANTIL NATIONWIDE, EM COLUMBUS, OHIO. COM A AJUDA DAS ENFERMEIRAS FIOS E EQUIPAMENTOS MÉDICOS MÓVEIS, LYNDSEY FACILITA EM UMA CADEIRA E PRENDE SEU FILHO PEQUENO AO PEITO.  ELA SORRI PARA A CÂMERA E, EM SEGUIDA, A NOVA MÃE TORNA-SE OPRIMIDO PELO MOMENTO E EXPLODE EM LÁGRIMAS.

lindo e emocionante esse video!

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Lipoaspiração: 10 duvidas

Sempre tive duvidas sobre a lipoaspiração e resolvi pesquisar as perguntas mais frequentes.

1. Preciso emagrecer, mas não consigo. A lipo é a solução?

Lipoaspiração não é um método de emagrecimento, e sim de eliminação de gordura localizada, geralmente entre 3 e 5 quilos. E o procedimento é complementar: no pré e no pós-operatório, você precisa manter a alimentação equilibrada e uma rotina de exercícios. 

2. É verdade que as células têm memória e tratam de repor a gordura perdida?

Não. A célula, por si só, não é capaz de produzir mais gordura ou se multiplicar. Nós só criamos células de gordura até os 18 anos, aproximadamente, a não ser na obesidade mórbida e em casos raros. "Depois disso, quando a pessoa engorda ou emagrece, não é porque a quantidade dessas células aumentou ou diminuiu, mas porque inflaram ou esvaziaram", diz Alexandre Senra, cirurgião plástico do Hospital Israelita Albert Einstein. Portanto, os vilões são os maus hábitos, o stress e a má qualidade do sono. 

3. Por que quanto mais acima do peso a mulher está, mais difícil é manter o resultado?

Imagine que o tecido adiposo são bolinhas de isopor. Quando você engorda, é como se as bolinhas aumentassem de tamanho. "O objetivo da técnica é remover o maior número possível delas, mas se a paciente faz lipo quando a bolinha está bem grande, pode acontecer de a técnica sugar o conteúdo, e não a célula inteira", explica Romeu Fadul Júnior, cirurgião plástico do hospital Sírio-Libanês. Nesse caso, como permanece, a célula pode voltar a inchar se não houver cuidado. 

4. Se a gordura voltar, posso fazer de novo?

Se o que leva a paciente a encarar o bisturi várias vezes é o descuido com a alimentação e os exercícios, não é recomendado. Porque a causa não se resolve - e a cirurgia, por ser invasiva e oferecer riscos como qualquer outra, não é recomendada para esses casos. Mas existem situações que requerem volta. Por exemplo, quando a mulher estava acima do peso e ficaram células suficientes para acumular gordura. Mesmo porque existe um limite de gordura a ser tirado em cada uma, entre 5 % e 7% do peso corporal.

5. Em quais partes do corpo dá para fazer lipo?

Em todas as áreas com gordura localizada: culote, joelhos, papada, abdômen, flanco, dorso, face interna da coxa e, nos homens, região peitoral. 

6. É possível fazer lipo depois do parto?

Não é recomendado. Na gravidez, o corpo passa por muitas alterações, a musculatura está distendida e flácida e há retenção de líquido e aumento de volume do sangue. Na cirurgia, a paciente recebe mais líquido e o coração pode não dar conta de bombear esse volume. A lipo foi a possível causa da parada cardiorrespiratória enfrentada pela mulher do cantor americano Usher, Tameka Foster. Ela teria dito ao médico que seu bebê havia nascido há mais tempo, mas fazia só dois meses. Os médicos recomendam aguardar de seis a nove meses. 

7. Quais são os cuidados pós-operatórios?

Na primeira semana logo após a cirurgia, é preciso fazer drenagem linfática na região operada, para evitar fibrose (cicatrização irregular, que forma ondulações) e melhorar a distribuição da linfa (responsável pela eliminação de impurezas). "O ideal é começar com três sessões por semana e, depois de 15 a 20 dias, reduzir para duas. O período do tratamento vai de três a seis meses", detalha a fisioterapeuta dermatofuncional Bárbara Teixeira, do Zahra Spa & Estética, em São Paulo. No começo, a pele está bem sensível por causa dos edemas - então a dor tende a ser maior. E é preciso usar malhas elásticas de compressão contínua, que costumam esquentar bastante. No inverno, portanto, elas incomodam menos. 

8. O que eu posso fazer antes da cirurgia para melhorar o resultado?

Dieta, fortalecimento muscular da área a ser operada, drenagem linfática pré-operatória e uso de polivitamínicos, principalmente vitamina C e D, que auxiliam na cicatrização. O objetivo é manter-se dentro de um Índice de Massa Corporal entre 22 e 27,5, que equivale ao peso normal ou um pouco acima do ideal.

9. Ela acaba com a celulite?

Não, mas pode melhorar o aspecto porque retira gordura e líquido. Depois ela deve ser tratada com drenagem linfática, prática regular de exercícios físicos e reeducação alimentar. 

10. Como escolher um bom cirurgião?

Entre no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e veja se o médico é credenciado. Cheque quantos anos ele tem de experiência. Na consulta, peça referência de outras pacientes, informe-se sobre o local onde ele opera - dê preferência a ambientes hospitalares - e quem é a equipe dele. 

Muita arte

Acreditem ou não!

Ganhamos os protetores de tomada, e acreditem o Vinicius tira! Ele tira e tenta colocar de novo, eu fico loooouca com ele. Pega carregador de celular e tenta colocar no buraquinho da tomada! Moooorro de medo dele levar um choque!

Divulgações

Assim como toda mulher tem seu lado santo, também temos o lado apimentado, certo? E pra ficarmos por dentro de tudo isso nada melhor do que curtirmos a página no face "Apimentadas". Só clicar na foto e se divirtam!!



Estou amamentando, posso fazer algo no cabelo?

Bem, como todos sabem eu ainda amamento e queria muito fazer progressiva com formol mas tenho muito medo então resolvi pesquisar sobre.

 Depois de passar os primeiros meses após o parto inteiramente dedicada ao bebê, é normal querer voltar a cuidar do visual. Você pode alisar o cabelo, sim, desde que o produto utilizado não contenha formol. 

O formol pode passar para o leite materno e causar intoxicação no bebê, alerta a médica Valdenise M. Laurindo Tuma Calil, do berçário anexo à maternidade do Hospital das Clínicas, em São Paulo. 

O uso de formol em escova progressiva e outros tipos de tratamentos químicos para cabelos, aliás, não é recomendado em nenhuma situação, pois é um produto apontado como cancerígeno pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS). 

Verifique com cuidado qual a composição química do tratamento que você pretende fazer. Peça para ler a embalagem no salão de beleza. Se o produto não parecer confiável, não use. 

O mesmo alerta vale para quem está amamentando e quer tingir os cabelos. Para não prejudicar o bebê, não use tinturas de efeito prolongado, porque elas geralmente incluem chumbo ou amônia em sua composição. "A quantidade de chumbo presente nesses produtos pode intoxicar o bebê", diz Valdenise. 

Quanto à amônia, não há estudos sobre a segurança do seu uso durante a fase de lactação, então o melhor é pecar pelo excesso e evitá-la. Os tonalizantes, produtos de fixação mais curta que vão saindo com as lavagens do cabelo, geralmente não contêm essas substâncias, mas não deixe de verificar na embalagem. 

Cuide mesmo dos seus cabelos e do seu visual sem culpa. Dar um tempo e se paparicar um pouco ajuda a atenuar o cansaço e a sair um pouco da rotina do dia-a-dia com um bebê pequeno. 

fonte

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Vestidos de formatura

Bem já que estamos no final de ano, formaturas, festas, casamentos chegando e sempre ficamos em duvida do que usar né? vou postar aqui os modelos de vestidos, curtos, médios e longos do MEU gosto rs. Espero que gostem!

Curtos:

Médios (longuete)
Achei lindo esse marrom!

Longos:
Amei todos! 

E tem também inclusive, para as gordinhas!!

Espero que tenham gostado! um bjo



Contando até três...

Agora começou a contar até três, a gente fica pra ele. 1, 2 e ele teis... é muito fofo! Fora que ele não quer ficar mais dentro de casa, só no quintal ou na rua. Ele tá muito saidinho rs. E ele vai correndo pra casa da bisa dele, ou então da tia-avó pra comer balinha. Tá tão sapeca!

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Chamando a mamãe ou o papai?

Bom tudo começou a uns dias quando eu falava pro Vinicius e ele fazia o seguinte
 - Vinicius chama a mamãe
ele - mamamm
- Vinicius chama o papai
ele - AUAU kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ele simplesmente não fala papai, ele sabe mais não fala e chama o pai dele de auau ou caca...

Entrevista

Entrevista de hoje é da mamãe de menino, Amanda, mamãe do João.


1ª Como é o seu nome e quantos anos você tem?

R: Amanda Luiza Ildelfonso Nogueira 25 anos
2ª - quanto tempo seu filho tem?
R: 1 ano e 5 meses
3ª como foi quando você descobriu que tava gravida?
R: foi ao mesmo tempo emocionante e feliz como tbm tive bastante medo 
4ªFoi planejado?
R: Planejado por Deus
5ª voce é casada, solteira ou outro?
R: Casada
6ª voce acompanha o blog?
R: Simm
7ª e como é ser mãe de menino pra você?
R: Um mundo azul maravilhosooo
8ª Mande uma mensagem pros nossos leitores... 
Aproveite cada minutinho dos seus filhos pois cada instante é unico e passa tão rapidoo Deus abençoee um beijo a todos!!

domingo, 17 de novembro de 2013

Entrevista

Como vocês sabem estou fazendo as entrevistas e agora essa é da gravidinha de menino! Viviane Fogar gravidinha do Arthur.



1ªComo é o seu nome e quantos anos você tem?

R: Meu nome e Viviane tenho 17 anos
2ª - quanto tempo de gravidez?
R: Quase 8 meses de gravidez.
3ª como foi quando você descobriu que tava gravida?
R:Achei que ia ser muito dificil, fiquei com muito medo da minha mae. Esperava que ela me mataria! Mas foi o cotrario, ela chorou, mas de alegria!
4ªFoi planejado?
R:Não foi planejado, pir dois anos tomei remedio para nao engravidar, em um unico mes que fiquei sem tomar por 3 dias, engravidei. Ai voce pensa que nao vai acontecer, mas acredite, acontece. Rs
5ª voce é casada, solteira ou outro? 
R: Moro junto com meu 'namorado'.
6ª voce acompanha o blog?
R:Agora sim.
7ª E como voce acha que vai ser, sendo mamãe de menino?
R:Acho que vou ter um trabalhão, mas ao mesmo tempo não vai ter nada melhor que cuidar meu filho.

sábado, 16 de novembro de 2013

Entrevista

Resolvi fazer entrevistas, com mamãe de menina, outra mamãe de menino, e uma gravidinha de menina e outra gravidinha de menino e vou postando aos poucos, hoje a nossa primeira entrevistada é a Fabia Crislei, mamãe da Anna.

Como é o seu nome e quantos anos você tem?

R:meu nome é Fabia Crislei tenho 34 anos.

2ª - quanto tempo sua filha tem?

R: Minha moça hoje tem 10 anos
3ª como foi quando você descobriu que tava gravida?
R:Foi muito engraçado, pois, estava desconfiada e fiz o exame de laboratorio só que horario para pegar o resultado era as 15 horas mas a ansiedade era tanta que fui mais cedo buscar o resultado, chegando lá li o resultado umas dez vezes e não caia a ficha que tinha dado positivo, chamei um atendente e pedi ajuda, daí ele disse vc está gravida chorei muito muito e ele me levou dentro do consultorio para tomar um copo com agua, nisto o meu marido chegou e me viu chorando, eu fiz uma brincadeira com ele falando que tinha dado negativo "tadinho" ele sentou em um sofa e ficou todo triste, dai o atendente disse pra ele vai la perto dela ela vai te falar uma coisa, dai eu respirei fundo e falei que era brincadeira que ele iria ser pai, NOSSA ele saiu dançando dentro do labroratorio e cantando. ( morri de vergonha rsrsrsrs)
4ªFoi planejado?
R: Planejadissa


5ª voce é casada, solteira ou outro? 

R:Sou casada a 12 anos
6ª voce acompanha o blog?
R: Sim

7ª e como é ser mãe de menina pra você?

R:Ser mãe sempre foi o meu maior sonho, desde pequena eu falava que iria ter uma filha que ela iria se chamar Anna, hoje o meu sonho está realizado duplamente, Cada dia que passa eu sinto o quanto Deus me ama, pois, me presenteou com dois tesouros. Amo esta musica e diz exatamente como é o amor de uma mãe, Amor igual ao teu Eu nunca mais terei,Amor que eu nunca vi igual,Que eu nunca mais verei Amor que não se pede Amor que não se mede Que não se repete

Alimentação

Aqui como eu já disse em outras postagens não tenho o que reclamar porque ele come muito e de tudo, mas vou colocar o que ele mais gosta, o que menos gosta e o horário que costumo fazer...

O que ele gosta: Frango, feijão, carne, alface, macarrão, lasanha, ovo, peixe, brócolis, batata, purê de batata, cenoura, chuchu, abobrinha, inhame, agrião, espinafre, maça, pera, uva, melancia, mamão, banana, kiwi, laranja, manga etc

O que ele gosta e eu não costumo dar:  Refrigerante, balas, chocolate, bolacha recheada

O que ele não gosta: beterraba, rúcula e só kk

Agora os horários, não costumo ter a hora certinha mas quase sempre costuma ser assim:

Acorda: 9:30 - toma leite(peito), come bolacha salgada com requeijão comigo e toma mais leite ou então café

11:15 - dou uma maça ou algo do tipo

12:30 - Dou o almoço, as vezes arroz e feijão com misturas ou macarrão com misturas também, nunca tem um cardápio certo.

13:30 - Dou mais leite(peito) e ele dorme.

15:30 - Dou fruta ou bolacha, mingau ou sopinha de bolacha maizena.

17:00 - Dou leite (peito).

19:00 - Dou a janta.

21:00 - Dou uma mamadeira com ninho.

E lá pras 23h ele dorme!!



sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Brincando na piscina

Hoje o Vi brincou com a priminha Manuela se divertiram pra caramba na piscininha. Ele batia na agua e ela ria muito. Eu fico feliz pq eles vao crescer juntos por pouco tempo de diferença ela tem 1 ano e 10m e o meu gostoso tem 1 ano e 2m.
meu gostosinho falando "gol" kk

fazendo graça pra titia

batendo na água e fazendo a priminha rir muito

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Fraldas

Bom andei dando uma pesquisada e a fralda preferida das mamães ainda é a pampers (vermelha, verde e roxa) e por segundo lugar a turma da monica. Na minha opinião é a seguinte:

1º Pampers: É muito boa, tanto a verde como a vermelha, nunca usei a roxa por não ter um preço tão acessível. 

2º Cremer: Eu gosto dela porque não vazou no Vini, além de ser confortável, e ter um cheiro bom e um preço ótimo.

3º Turma da mônica: A turma da monica já foi boa, na minha opinião. Aquela supreme care não é tão boa, porque ficou a noite no vini, quando ele acordou as 7hrs da manha estava todinho molhado, além de ter um preço mais ou menos.

Agora tem umas que experimentei mas não gostei de forma alguma, mesmo tendo um preço bom, judiou do vini, uma assou (mili) outra encheu ele de bolinhas (baby roger). Na minha opinião essas são as melhores. 

sábado, 9 de novembro de 2013

Passeio em familia

Depois de um tempo sem passear assim, fomos no espetinho! hummm tava gostoso e até o Vini se divertiu, brincou no escorregador, no cavalinho. Ele adorou e não queria ir embora de jeito nenhum! Segue as fotos:

 

 

 


Tá tão lindo e esperto meu pequeno!

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Para a mamãe: Como clarear manchas na virilha e axilas

Receitas caseiras

É possível amenizar as manchas em casa com medidas simples. Uma dica é fazer esfoliação uma vez por semana com cremes esfoliantes faciais, para estimular a renovação celular. O produto deve ser aplicado com movimentos circulares e a depilação nos dois dias seguintes à esfoliação não é recomendada. Também é importante manter a pele bem hidratada.

A esteticista especializada em receitas caseiras Blanch Marie, de São Paulo, indica duas receitinhas eficientes, cujos ingredientes têm propriedades clareadoras e calmantes. Ao diminuir a irritação da pele, elas ajudam a clarear e a evitar o surgimento de novas manchas. Ambas são fáceis de preparar e não têm restrições de uso.

Máscara de fubá com aveia
Ingredientes
● 2 colheres (sopa) de aveia (possui substâncias clareadoras)
● 2 colheres (sopa) de leite em pó (ajuda a clarear a pele por ter ácido lático)
● 2 colheres (sopa) de fubá (elimina impurezas)
● 2 colheres (sopa) de soro fisiológico (para diluir)
Modo de preparo
Misture os ingredientes.
Aplicação
Aplique na região suavemente, com movimentos circulares. Lave com água mineral. Repita o procedimento a cada 20 dias, até conseguir um bom resultado.

Máscara de maisena
Ingredientes
● 1 e ½ xícara de leite (ajuda a clarear a pele por causa do ácido lático)
● 1 colher (sopa) de mel (possui substâncias nutritivas)
●1 colher (sopa) de maisena (possui substâncias calmantes)
Modo de preparo
Misture todos os ingredientes frios. Coloque a mistura no fogo até formar um mingau. Deixe esfriar.
Aplicação
Aplique a pasta morna na área manchada. Deixe agir por 15 minutos e retire. Passe um creme hidratante. Repita o procedimento a cada 15 dias. Caso a pele continue manchada, aplique a máscara duas vezes por semana, até clarear.

Produtos clareadores

As principais substâncias clareadoras são a hidroquinona e o ácido kójico. Depois de fazer uma análise, o dermatologista indicará a quantidade adequada para o seu caso. Geralmente, essas substâncias são manipuladas com hidratantes e emolientes, que evitam a inflamação e a irritação da pele.

Também há produtos prontos, encontrados em farmácias. Eles são mais suaves e indicados para o clareamento em casa. Na lista de cremes sugeridos pelos especialistas estão o Clariderm e o Skin Plus, que podem ser comprados sem receita médica. Também existem cosméticos, como os desodorantes, que ajudam a clarear ou evitar o escurecimento da pele. "Desodorantes clareadores, em geral, possuem substâncias com propriedades hidratantes, calmantes e anti-inflamatórias. Eles ajudam a clarear a pele de maneira suave. As versões em creme e roll-on são as mais indicadas, pois não contêm álcool. Evite o formato em spray", recomenda a dermatologista Gisele Barbosa, de São Paulo.

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Ser mãe é

Pra você o que é ser mãe? To fazendo uma brincadeira no face e postando plaquinhas como essas...
quem quiser participar vou colocar a pagina embaixo :)

espero que gostem hihi

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Tombos

Bom todos sabem que depois que começa a andar é tombo pra todo lado, aqui anda caindo muito, citei com a pediatra ela diz ser normal. Aqui ele quer correr e ainda não dá conta kkkkk ontem (04/11) e ante ontem (03/11).
Ai um artigo do babycenter falando sobre isso.

O bebê caiu da cama. E agora? Preciso levá-lo ao hospital?

Sempre que o bebê leva um tombo grande -- do sofá, da cama, do trocador, do berço ou do cadeirão, por exemplo --, é necessário examiná-lo com atenção para ver se não há nenhuma lesão mais séria, principalmente se ele tiver batido as costas ou a cabeça no chão. 

É preciso verificar se não há ossos quebrados, lesões internas ou uma concussão. Quedas podem ser graves em bebês, mas a boa notícia é que os ossos deles são mais flexíveis, portanto não se quebram tão fácil quanto os de crianças maiores. 

Se o bebê parece estar bem, agindo normalmente, o mais provável é que a queda não tenha tido consequências mais graves. Mas fique de olho nele durante as 24 horas seguintes, especialmente se ele tiver batido a cabeça. 

Siga seus instintos e prefira a precaução: se você acha que a queda foi muito grande, e que não é possível que ele não tenha se machucado, ou se o bebê estiver muito irritado ou agindo estranho, leve-o ao médico para um exame. 

Em que situações preciso levá-lo para o pronto-socorro?

Procure ajuda médica nos seguintes casos: 

• Se o bebê desmaiar. Caso você ache que ele não está respirando, grite por ajuda e faça manobras de ressuscitação imediatamente. Se você estiver sozinha com o bebê, primeiro faça a ressuscitação nele por dois minutos e depois telefone pedindo ajuda. 

• Se o bebê estiver sangrando e o sangramento não parar quando você pressiona uma gaze ou um pano sobre o ferimento. Batidas na boca às vezes sangram muito, mas nem sempre são graves. Pressione um pano limpo e dê alguma coisa gelada para o bebê chupar. O sangramento deve parar. 

• Se o bebê estiver respirando mas não reagir quando você fala com ele, ou se você não conseguir acordá-lo (mesmo que ele estivesse aparentemente bem depois da queda, mas apresente os sintomas horas mais tarde). 

• Se houver sinais de fratura: braço ou perna desalinhados, um pulso meio torto, ou quando o bebê dá indícios de que sente dor quando apóia o braço no chão ou faz algum movimento (talvez você só note isso horas depois da queda). 

• Se houver sinais de fratura no crânio: uma área "fofa" no osso, especialmente dos lados da cabeça (acima ou atrás da orelha); presença de sangue no branco dos olhos ou saída de sangue ou de um líquido cor-de-rosa pelo nariz ou pelas orelhas. 

• Se houver sinais de concussão (quando o cérebro é afetado pelo traumatismo ou batida na cabeça), como: pupilas desiguais, vômitos seguidos e sonolência maior que o normal. Dependendo da idade do bebê, observe se há mudanças no modo como ele engatinha ou anda, se ele parece mais fraco ou confuso, ou se há sinais de problemas de fala, visão ou coordenação motora. 

• Se o bebê não parar de gritar ou chorar depois de meia hora, por mais que você tente acalmá-lo. 

• Se o bebê tiver um corte que pareça profundo, especialmente no rosto e em partes do corpo que se movimentam muito. Talvez seja preciso dar pontos. Na dúvida, não espere até o dia seguinte: os pontos funcionam melhor quando dados em até oito horas após o acidente. 

É verdade que não devo deixar o bebê dormir depois da queda?

A vantagem de manter a criança acordada depois da queda é que fica mais fácil observar seu comportamento. Não é o fato de o bebê dormir que vai agravar a lesão, se houver uma. A questão é que um dos sintomas de que há problemas mais sérios em consequência de uma queda é justamente não conseguir acordar a criança. Daí a impressão de que o sono é o culpado. 

O que os médicos recomendam é procurar observar bem a criança. Caso o acidente tenha acontecido perto da hora de dormir, procure manter seu filho acordado por cerca de uma hora após a queda. Depois disso, pode deixá-lo dormir, mas o acorde cerca de duas horas depois, só para ver se ele responde (ele obviamente vai estar sonolento, se for no meio da noite. Desde que reaja, não há problema), e mais uma vez até o amanhecer. Se você for ficar mais tranquila, durma com ele. 

Depois do estresse da queda e de toda a choradeira, é normal que as crianças fiquem exauridas e precisem de uma soneca. Por isso, caso o acidente tenha acontecido durante o dia, deixe seu filho descansar mais ou menos depois de uma hora da queda, e procure acordá-lo depois da duração costumeira da soneca diurna. 

Se em qualquer momento você não conseguir acordar o bebê, leve-o ao pronto-socorro. 

Como cuidar do "galo"?

É normal surgir um galo bem grande em batidas na cabeça. Tente não se assustar, pois o galo é mais feio do que grave. A compressa com gelo envolto em um pano ajuda o inchaço a diminuir, mas não é imprescindível -- às vezes o bebê pode se assustar e gritar mais ainda, o que só vai piorar a situação de vocês dois. 

Se o bebê parecer estar com dor, você pode perguntar ao pediatra sobre a possibilidade de dar algum analgésico, como o paracetamol, na dose indicada. 

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Farra com o papai

Olha eu aqui de novo, essa foto é de hoje com o Marcelo e o Vinicius, e a farra que eles estavam fazendo.. Adoro ver os dois juntos e meu marido me ajuda muito!  Ele brinca bastante com o Vini e também me ajuda quando preciso, dá banho, troca fraldas, olha ele... Enfim é um paizão *-*


Agora pensem numa farra que esses dois fazem? é gritos e risos por toda a casa e direto!! :D

Dia de consulta!

Bom hoje fomos na consulta, chegamos lá e a criança mexeu em tudo, abria o armário da médica queria mexer na balança, enfim. Esses foram os resultados. Peso: 9,785kg e 75,5cm. Por mais que eu tenha achado ele pequeno a médica disse que tá otimo. E também disse que se eu quiser tirar ele do peito eu posso porque como ele come de tudo o LM não vai fazer falta pra ele. Por ele acordar muito a noite ela diz ser a melhor opção. Agora eis a minha duvida, tiro ou não tiro? Mas fora isso ele tá otimo, sem refluxo e muito ativo, ela disse que ele tá super desenvolvido pra idade dele.

domingo, 3 de novembro de 2013

Hora de dormir!

Tá na hora de dormir!! É só a mamãe falar em dormir que o bebê pira! Kkkk bem, nao sei pra voces, mas aqui a hora de dormir é um sacrificio! Tem dias que é bem calmo mas tem dias que é dificil porque ele LUTA muito com o sono, ele ve que ele vai dormir ele chora! Agora mesmo estou na luta, mas ele mesmo morrendo de sono não se entrega de jeito nenhum.

sábado, 2 de novembro de 2013

Tudo na boca parte 2

Essa é uma fase pela qual todos os bebês passam. Os pais não devem impedi-la apenas monitorar o comportamento para evitar riscos.

A boca significa para os bebês muito mais do que simplesmente a entrada dos alimentos. É pela boca que o bebê começa a conhecer o mundo. Por isso o aleitamento no peito é muito importante, assim como colocar as mãos, dedos, pés e objetos na boca.
“A boca é o centro das maiores e melhores experiências nos primeiros meses de vida”, afirma o médico Marcus Renato Carvalho.
Parece que nesta fase de vida a criança tem um imã na boca. Tudo ela leva à boca.
Os pais não precisam se preocupar se até os dois anos de vida a criança levar dedos ou mãos à boca. É preciso que eles fiquem atentos se o objeto levado à boca não machuque, seja macio e limpo, não possa ser engolido e não traga riscos ao bebê.
Bebê colocando o brinquedo na boca - Chubykin Arkady / Shutterstock
É muito importante que a criança tenha essa fase de usar a boca para “conhecer” as coisas. Os pais não devem ser extremamente radicais, impedindo tudo que a criança leve à boca.
Reprimir ou impedir que a criança use a sua boca como conhecimento do mundo pode até causar efeito contrário, prolongando a fase de experimentação oral. Essa fase normalmente desaparece naturalmente até os dois anos de idade.
Chupetas - Ortodontistas constataram que 60% dos adultos que usam aparelho nos dentes chuparam chupetas e 20%, o dedo. Esses hábitos deformam a arcada dentária e entorta os dentes quando permanecem após os 2 anos de vida.
Bebês que sugam o peito da mãe têm a sua necessidade de sucção mais satisfeita, diminuindo os riscos de fixarem maus hábitos orais, como chupar dedos ou chupetas.
Já os pequenos que fazem uso da mamadeira sentem maior necessidade de sugar, já que na hora de retirar o leite pelo bico da mamadeira não precisam sugar e, sim, só deixar o leite escorrer para a boca, não satisfazendo sua vontade de sugar.
Sugar é uma necessidade. A boca do bebê serve também para conhecer o mundo em que vive. Se os pais acham que esse hábito já está sendo prejudicial, procure o pediatra, fonoaudiólogo ou ortodontista para uma melhor avaliação.

Tudo na boca

Eu não sei como é com o bebê de vocês mas aqui ainda coloca tudo na boca, eu já não sei mais o que fazer, tento dar uma chamadinha de atenção mas nem assim funciona, sei que ainda está nascendo os dentes, agora do fundo, mas será que ainda há necessidade de mão na boca? Ou será mania? O proximo post falarei mais sobre isso ;)

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Retrospectiva do primeiro aninho do Vinicius.

Tá atrasada a publicação do video mas, foi feito com muito amor e carinho pro amor da minha vida!

Sete alimentos para fortalecer a alimentação

Andei dando uma pesquisada no babycenter e achei uma matéria sobre alimentos bons. Por mais que aqui eu não tenha problema algum com alimentação porque come até pedra se deixar, é sempre bom inovar os alimentos. Que são esses:

1º O abacate: Recheado de vitamina E (que protege o corpo de substancias nocivas), fonte de fibras e gorduras mono insaturadas e etc.

2º Aveia: Este cereal sabor suave e versátil ajuda a prevenir altas e baixas bruscas açúcar no sangue.

3º Peixe: Salmão e sardinha são conhecidos pelo alto teor de ômega 3 uma gordura que protege o corpo de várias doenças.

4º Espinafre: Excelente em fonte de ferro, cálcio, acido fólico e vitaminas A e C.

5º Batata Doce: As batatas doces são caprichadas em vitaminas B,C e E, Além de conter cálcio, potássio, ferro e fibras.

6º Iogurte: Rico em cálcio e boa fonte de proteínas, o iogurte auxilia na formação dos ossos e dentes, além de melhoras a digestão.

7º Azeite de oliva: Conhecido por reduzir riscos de doenças cardiovasculares além do beneficio a pressão arterial e ao sistema imunológico. 

Bom saber né? Agora vou insistir nesses alimentos pro meu filho!! 

um pouco da mamãe

Quem me conhece sabe que eu sou DOIDA pra emagrecer, mas com razão certo? estava com 72,6kg comecei reeducação alimentar e ontem com a caminhada. E estou com 63,9. Estou muito feliz por ter voltado meu peso de antes depois de tanto tempo! Mas a minha vontade é chegar aos 50kg e espero conseguir! Vou colocar aqui coisas de dieta também a partir de hoje! :)

1 ano e 2 meses

Já reparou que quase todo dia seu filho faz uma coisa nova? Uma hora aprende a mandar beijos e derrete o coração de todo mundo, outra experimenta usar um copo em vez da mamadeira. Mas ainda não dá para achar que ele vai comer na mesa direitinho, como um adulto. É assim mesmo, por enquanto a sujeira e a bagunça fazem parte de toda refeição. 

Agora que a alimentação dele é mais parecida com a sua, deixe-o testar a independência na hora de comer. Coloque o cadeirão numa superfície fácil de limpar, e que comecem as experiências: a colher na mão nem sempre vai para a boca, o ovo cozido ou a banana vão ser esmagados... Tenha paciência (desde que a experiência não seja jogar tudo no chão para encerrar a refeição logo, é claro!). Ao observar os adultos comendo, ele vai começar a entender qual é o comportamento "normal" à mesa. 

Como fica sua vida: perigos à vista

É sempre assim: basta dizer "não pode!" ou "aí não!" que a coisa passa a ficar mil vezes mais interessante. O jeito é prestar o máximo de atenção à segurança da sua casa, para você poder ficar mais tranquila. Tire as coisas frágeis do alcance da criança, veja se não há móveis que possam virar em cima dela, faça uma revisão nos potenciais perigos domésticos. 

Preste atenção especial na cozinha, banheiros e área de serviço, onde é maior o risco de intoxicação e acidentes. 

Você anda meio para baixo?

Cuidar de uma criança dessa idade é incrivelmente cansativo, pois você literalmente tem de correr atrás dela o tempo todo. E, se seu filho ainda acorda à noite, é bem capaz que você esteja sofrendo os efeitos da carência crônica de sono. Se é que isso é um consolo, saiba que muitos pais também estão no mesmo barco. 

É impressionante o que um tempinho só para você pode fazer para melhorar o seu astral. Uma estratégia é pedir uma participação maior no trabalho duro ao pai da criança, ou então convencer uma avó, tia ou uma amiga a ficar com seu filho um pouco para você dar uma respirada. 

To de volta!

Oi gente. Acho que vocês sabem que eu estava sem pc certo? então hoje eu voltei e com tudo!! muito feliz por poder compartilhar novamente as experiencias de ter um bebe bagunceiro de 1 ano e 2 meses em casa! ME AGUARDEMMM!  <3